Imprimir Shortlink

LOST IN PARADISE (PERDIDO NO PARAÍSO – JESSE STONE)

l_4505830_10b0f474O título deste filme do canal Hallmark (co-produzido por EUA e Canadá) tem duplo sentido. Porque “Paraíso” é uma pequena cidade do Estado de Massachusetts, nos EUA, com aquele ritmo de cidade pacata. Ali praticamente nada acontece. A não ser um crime ou outro, eventualmente, e em tais casos existe uma polícia, típica do interior americano, para investigar. O personagem aqui é justamente um policial, que volta e meia se afasta do trabalho e depois retorna, em razão de problemas pessoais: personagem este bastante atípico, porque além de alcoólatra possui um temperamento e personalidade muito peculiares (um durão, carrancudo, mas de bom coração) – inclusive faz terapia com o personagem do ator William Devane. O mérito de ser um tipo fascinante é efetivamente do ator Tom Selleck (o Magnum da TV), que o construiu com muito talento e o tornou sem dúvidas o elemento principal do filme. Que tanto sucesso fez, que este já é o oitavo filme da série, que iniciou em 2006. Outro fator importante e diferencial é o ritmo da história, lento como a vida da plácida cidade e dos personagens, com as investigações ocorrendo sem pressa, no mesmo compasso em que se expõe a real intimidade de seu protagonista e dos que o cercam, o que resulta em uma abordagem bem mais profunda e humana do habitualmente se vê. O roteiro é muito bem escrito, com talento e coerência, e para que os que gostam de uma história policial bem contada é uma boa pedida. Claro, tudo também não funcionaria tão bem sem a direção de Robert Harmon (que dirigiu os sete filmes anteriores, os quais valem a visão/revisão, até para se compreender melhor o personagem em toda a sua trajetória.). O policial Jesse Stone realmente é um tipo marcante e que está normalmente acompanhado por seu cachorro (que imita a fleuma do dono…) e pelo inseparável Johnnie Red. 8,5

Achou interessante? Gostou? Compartilhe !
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Pin on PinterestEmail this to someone