Imprimir Shortlink

MICHIEL DE RUYTER

MV5BMTUzNzU1MzcxNV5BMl5BanBnXkFtZTgwOTQ4NjU2MzE@._V1_SY317_CR5,0,214,317_AL_Baseado na vida do mais famoso almirante da história da Holanda, este filme holandês de 2015 é surpreendente. O personagem se destacou principalmente nas batalhas navais – e estratégias – contra a Inglaterra, no século 17, mas não é apenas a sua biografia que surpreende, inclusive pelo fato de fisicamente o personagem ser quase um anti-herói, baixo e gordinho. O que se destaca neste ótimo filme de ação (e história) são as imagens, a edição, o movimento de câmera (ponto fortíssimo) e a trilha sonora em conjunto. Portanto, grande mérito também para o diretor, Roel Reiné.  A história das estratégias – que de fato são vitais e raramente aparecem nos outros filmes do gênero – nas batalhas no mar e as cenas de ação se tornam realmente especiais graças ao ritmo do filme e aos enquadramentos de câmera, gerando muita adrenalina no espectador, com alguns visuais arrebatadores. Embora o filme assuma às vezes umas feições de vídeo clip, a história é realmente muito interessante, original nas cenas, inclusive pelo fato de dar destaque à vida doméstica do personagem e mostrar facetas da população que parecem realmente muito próximas à realidade – inclusive com a participação natural das crianças. Aliás, a cena inicial, pela qual vamos acompanhando o caminho da câmera indo buscar o que a população se aglomerou para ver na praia é espetacular e já prenuncia um filme diferente e de qualidade. No final principalmente – deve ser destacado o fato -, o filme tem uma ou outra cena mais forte, que talvez não sejam recomendadas para pessoas que não toleram imagens de tortura e violência bárbara.  8,8

Achou interessante? Gostou? Compartilhe !
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Pin on PinterestEmail this to someone