Imprimir Shortlink

EM PEDAÇOS (IN THE FADE)

Este filme alemão não concorreu ao Oscar de Melhor filme estrangeiro, embora tenha sido indicado ao prêmio como representante da Alemanha e escolhido em uma pré-seleção dos cinco finalistas. Entretanto, ganhou o referido prêmio no Critics Choice Awards e também no Globo de Ouro de 2018, além de diversos outros em variados festivais alemães; mas não apenas de melhor filme, mas de roteiro, atriz e fotografia. Diane Kruger, aliás, foi premiada como Melhor Atriz no festival de Cannes 2017. De fato ela é a alma do filme e tem um desempenho extraordinário em papel bastante difícil (a interpretação dela chega a nos emocionar em várias cenas, tal a intensidade da entrega). O título do filme é mais do que adequado a este drama pungente e doloroso, que trata de um fato violento e das consequências decorrentes. Em vários níveis. Mais do que isso, a segunda metade do filme, em que predomina o suspense e aprofunda o contexto sócio-político, desenvolve a motivação do crime e com isso retrata feições do mundo de hoje e que por pertencerem a um horror que está à nossa volta, torna o universo do filme mais rico e também mais impactante. Trata-se de uma obra de difícil digestão (pelo tema forte), mas muitíssimo bem construída, dirigida e interpretada e que realmente mereceu as indicações e prêmios que teve.  8,8

Achou interessante? Gostou? Compartilhe !<br />Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter
Share on Google+
Google+
Pin on Pinterest
Pinterest
Email this to someone
email