Imprimir Shortlink

ROMAN J. ISRAEL, ESQUIRE

Um papel diferente e difícil na carreira do grande Denzel Washington, que por ele foi indicado ao recente Globo de Ouro. O filme trata de questões envolvendo a advocacia na grande metrópole, mostra como funciona o voluntariado, mas seu ponto central é o grande confronto entre ética e realidade. O idealismo tem condições de sobrevivência no mundo selvagem e capitalista em que vivemos? O Dr. Israel por certo teve condições de exercitar sua inocência e seus propósitos puros e humanitários enquanto foi apenas uma sombra em um famoso escritório de advocacia. Mas conseguirá manter essa postura no papel de protagonista? Que poderosos obstáculos enfrentará! Várias possibilidades de escolha aparecem, demonstrando que o homem é a soma de suas opções. Mas se tomado o caminho errado insuspeitáveis perigos poderão surgir (e aqui se trata de um direcionamento que o filme toma a partir de certo ponto de sua parte final e que imprime outra dimensão ao personagem e à própria história, que passam a ficar mais vinculados ao crime e ao suspense que o permeia). O personagem é complexo e nos deixa desconcertados em muitos momentos, parecendo às vezes um visionário, outras vezes alguém com limitações mentais, outras ainda um total alienado, “fora da casinha” como se diz popularmente. O enredo esclarecerá melhor essas facetas, mas mesmo assim a mensagem tangencia o respeito às diferenças, principalmente quando alguém não convencional acaba deixando marcantes alguns de seus exemplos. Também atua no filme Colin Farrell.  8,2

Achou interessante? Gostou? Compartilhe !
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Pin on PinterestEmail this to someone