Imprimir Shortlink

FREQUENCIES/OXV: THE MANUAL

vPxmD4vmAchei um filme muito difícil de se entender completamente. É adequado a gostos especiais e principalmente a quem tem o espírito da curiosidade, da descoberta, de aceitar que um roteiro não tem a obrigação de deixar tudo às claras. O gosto de buscar as explicações, usando a sensibilidade e o intelecto! Alias, um tema extremamente original e também por isso cativante e que desperta múltiplas sensações. Consegui entender muitas coisas apenas na segunda vez em que vi o filme. E vi essa segunda vez, porque percebi, na primeira, que estava diante de algo criativo, inteligente e feito com peças propositadamente encaixadas, embora não totalmente assimiláveis à primeira vista. Na segunda visão as coisas já clarearam. Como diria Spock – e o cito aqui, como uma homenagem ao ator Leonard Nimoy, recentemente falecido -,  fascinante! Um filme de arte de ficção científica! E que, mesmo com algumas peças ainda por encaixar (talvez deva ser visto uma terceira vez???), propicia principalmente na parte final e no seu desfecho momentos de muito suspense e emoção. A cena em que o pianista descreve a solução, o antídoto, é de tirar o fôlego. Como a música de Mozart, genial.  8,8

Achou interessante? Gostou? Compartilhe !<br />Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter
Share on Google+
Google+
Pin on Pinterest
Pinterest
Email this to someone
email