Imprimir Shortlink

AQUI EM CASA TUDO BEM (A CASA TUTTI BENE)

A verdade deveria ser a matéria-prima dos relacionamentos. Mas não é. As pessoas escondem coisas. As próprias estruturas familiares impedem que certas verdades sejam ditas. Em um belíssimo trabalho de elenco e de direção (Gabriele Muccino, de O último beijo, Sete vidas, À procura da felicidade…), este filme mostra aquela família típica italiana que todos conhecem, de mesa repleta e farta, falante, composta por avós, pais, mães, filhos, netos…e os relacionamentos, que aparentemente são todos ótimos e felizes. Só que embaixo do verniz se escondem os segredos, as coisas não ditas, o que torna as pessoas infelizes. E diante de um fato imprevisto, que provoca a permanência dessas pessoas reunidas por um tempo além do previsto, alguns desses segredos começam a vir à tona…E em meio à constatação do quanto é triste quando se tem que viver à margem da verdade, também se vê como os seres humanos são complexos, complicados, como os sentimentos são difíceis de ser expostos, ainda mais nas relações amorosas. Com Pierfrancesco Favino, a agora veterana Stefania Sandrelli e grande elenco (em todos os sentidos), uma comédia leve mas ao mesmo tempo ácida, que faz lembrar de outras obras do gênero e que exploraram o tema até mais profundamente. Mas é um filme muito bom e que ao final deixa uma mensagem edificante, de que o melhor alimento é o amor e sempre há tempo para sermos felizes.  8,5

Achou interessante? Gostou? Compartilhe !<br />Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter
Share on Google+
Google+
Pin on Pinterest
Pinterest
Email this to someone
email